Tratamento para câncer de mama nem sempre precisa de quimioterapia: Conheça o Endopredict

Tratamento para câncer de mama nem sempre precisa de quimioterapia: Conheça o Endopredict


Dr. Cristovam Scapulento


Atualmente, há diversas modalidades para o tratamento para câncer de mama. Entre elas podemos citar a cirurgia, radioterapia, hormonioterapia e imunoterapia. 

A quimioterapia é a modalidade de tratamento cujo objetivo é matar as células tumorais que não foram retiradas durante a cirurgia. Porém, não é sempre que é possível definir se todos os pacientes terão benefícios realizando a quimioterapia. Levando isso em consideração, o teste genômico Endopredict é extremamente necessário na hora de associar a expressão de 12 genes do tumor e dados clínicos do paciente. Com esse procedimento é possível verificar o risco de metástase (formação de uma nova lesão tumoral a partir de outra) e se o paciente terá benefícios realizando a quimioterapia. 

 

Quais os estádios do câncer de mama? 

Existem quatro estádios do câncer de mama, que aumentam de gravidade gradativamente. Veja: 

  • Estádio 1: Tumores menores de 2cm com linfonodos negativos. 

  • Estádio 2: Tumores menores de 2cm com linfonodos comprometidos; tumores entre 2 e 5cm com linfonodos negativos ou comprometidos; tumores maiores de 5cm com linfonodos negativos. 

  • Estádio 3: Tumores menores de 5cm com linfonodos grosseiramente comprometidos e/ou fixos (imóveis); tumores maiores de 5cm com linfonodos comprometidos ou tumores que se estendem a caixa torácica e/ou pele com ou sem linfonodos envolvidos; câncer de mama inflamatório (tipo de câncer que se assemelha a uma inflamação na mama). 

  • Estádio 4: Metástase em algum órgão à distância. 

Exames regulares como a mamografia e o ultrassom das mamas são extremamente importantes para diagnosticar precocemente o câncer de mama 

Quais os tipos de tratamento para câncer de mama? 

Quais os tipos de tratamento para o câncer de mama?

O tipo de tratamento para câncer de mama é escolhido com base no estadiamento do tumor, achados histopatológicos, perfil imuno-histoquímico e testes genômicos. 

Os tratamentos podem ser localizados e sistêmicos. O plano de tratamento pode incluir apenas uma modalidade ou uma combinação das modalidades abaixo explicadas 

Tratamentos localizados: 

Cirurgia 

Normalmente é a modalidade mais usada nos cânceres de mama. A cirurgia consiste em retirar o tumor da mama, podendo realizar o procedimento através da remoção de uma parte da mama ou do órgão interno. 

Nesse método, é possível que o médico cirurgião analise a presença do linfonodo  sentinela axilar (primeiro linfonodo que pode ser comprometido no caso de uma metástase). Isso possibilita a compreensão da extensão da ressecção dos linfonodos que deve ser feita. 

Radioterapia

Essa modalidade consiste na aplicação de radiação ionizante que, através da quebra do DNA das células tumorais, mata as células que possuem tumor. Sua aplicação pode ser feita no leito tumoral, em toda a mama, na axila e em áreas de drenagem linfonodal extra axilar. 

Já os tratamentos sistêmicos possuem três modalidades: 

Quimioterapia citotóxica

Nesse procedimento são utilizadas drogas capazes de destruir as células por meio de bloqueio da divisão celular. Podemos destacar as principais, que são: Antraciclinas (adriamicina e epirubicina), Taxanos (Paclitaxel e docetaxel), 5-fluouracil, ciclofosfamida e carboplatina. 

Terapia alvo

Esse procedimento não pode ser feito em todos os pacientes, só naqueles que tenham tumores com alterações moleculares. As principais drogas disponíveis são: Amplificação do gene HER-2, Mutações no gene PI3KCA e Mutações nos genes BRCA1 e BRCA2. 

Imunoterapia

Nessa modalidade utilizam-se drogas que auxiliam o sistema imunológico a ver o tumor como inimigo e destruí-lo. O único imunoterápico disponível é o Atezolizumabe. 

O que é o exame Endopredict e para que serve? 

De acordo com os dados, cerca de 65% das pacientes apresentam marcadores positivos para receptor de estrogênio (RE+) e negativo para (HER2-), marcadores que aumentam o risco de metástase. 

O Endopredict é um exame de expressão gênica que avalia o risco de metástases em 10 anos e também o benefício da quimioterapia em pacientes portadores desses receptores hormonais. Além disso, o exame direciona qual tratamento deve ser seguido. 

 

Fale com seu médico e agende o exame Endopredict no Alta 

Para agendamento, preços e mais informações, acesse o link ou clique no botão abaixo para ser direcionado ao agendamento online.  

Agende o seu exame!

 

Categoria
Saúde